To top
24 jan

Cabelo, cabeleira, descabelada

karyn-mattos-blog-sobre-mim-3

OOIIIIEEEE!!!!!!

Esse oi merece empolgação porque depois de uma certa pane o “brógui” voltouuuu!!!!!

Pane de tempo, de internet mesmo, de provedor, mas principalmente de muitas tarefas atarefadas, tentando deixar minha marca o mais redonda possível (já leu meu novo sobre mim?! Não?! Depois lê lá no menu please!!) correndo a trás do prejuízo, tentando se adaptar ao mercado (ao timing louco dele), etc. No meio disso tudo, uma coisa que não dá pra descuidar é da juba né?! E… no meio disso tudo, as pessoas que me viram ao vivo e no insta principalmente, perceberam que a juba mudou um pouco (bastante!). Foi aos poucos, se não não teria, literalmente, cabeça pra estar aqui escrevendo e foi de um jeito tão legal e divertido que achei que valia a pena contar tudo!

Pra começar (há um pouco mais de um ano…), enviei algumas inspirações pra Daia (@daiacmendes do Nezita Hair and Beauty Studio aqui de Jaraguá do Sul, SC) , quem iria me deixar platinum… mas…

Jennifer Lawrence

Jennifer Lawrence

 

Aline Weber

Aline Weber

 

Debbie Harry

Debbie Harry

 

… ela não foi tão legal assim de primeira e não deixou eu fazer o que bem entendesse na primeira vez…  olhou meu cabelo e disse: “você quer ficar loira ou careca?” (kkk – botou medo, aí a gente segue direitinho né?!). Então… ela foi me incentivando a fazer de pouquinho em pouquinho pra chegar no resultado que queria. Ela ajudou primeiro a cuidar dos meus fios, com os produtos certos e do jeito certo e aíiii depois me deixou enfiar o pé na jaca de vez. hahaha.

IMG_0480

Na primeira vez eu cheguei assim… uurxxxx

IMG_0478

Mas saí assim… melhor né?!

 

Brincadeiras à parte, esse cuidado dela comigo foi fundamental pra eu querer manter a cor e mais ainda, me amar com essa cabeleira! Teve bastante hidratação Previa (que é uma linha ecológica super legal que tem no Nezita). Do moreno pro totalmente platinado foi um ano e a cada momento eu me amava mais… coincidência ou não, foi no mesmo momento em que eu comecei meu próprio negócio e acho que a juba ajudou muito na auto-estima sabe?! Na força pra se olhar no espelho de manhã e dizer “vai que é tua lôra!”. Eu não fazia ideia que iria me gostar tanto e muito menos que os outros iriam reconhecer que ficou “massa” e “melhor que antes”. Tudo que eu queria era o cabelo da Debbie Harry e parti em busca dele… porque eu sou bem 8 ou 80 nesse sentido…

IMG_0481

Na segunda vez eu já saí assim! Uhu!

IMG_0655

Me achando muito

karyn-mattos-blog-sobre-mim-3

Mais ainda… ainda com a raíz esfumada

Screenshot - 24_01_2017 , 13_25_16

Screenshot - 24_01_2017 , 13_24_50

Dica pra um bad hair day: tranças

Screenshot - 24_01_2017 , 13_23_45

Screenshot - 24_01_2017 , 13_23_56

Screenshot - 24_01_2017 , 13_23_37

 

E… A PARTIR DA 3a VEZ, mantendo até agora e com todos os fios sem quebrar nada… PLATINUM TOTAALLLL!!!!!

 

IMG_0653

E agora , toda vez que retoco a raíz é essa alegria! Corte levemente assimétrico e uso mais lisinho….

Screenshot - 24_01_2017 , 13_32_45

Screenshot - 24_01_2017 , 13_34_52

Mas depois da hidratação e de uns 2 dias bom mesmo é usar bagunçadão (ou messy)

Mas depois da hidratação e de uns 2 dias bom mesmo é usar bagunçadão (ou messy)

 

Daqui a pouco volto posso voltar a ser morena eu acho, mas até lá vou curtindo a facerisse de andar descabelada, fazer um coque nem aí e ficar bom, abusar do xampu seco (Batiste) na raíz… deixar a raíz crescer de propósito e só dois meses depois retocar. Sim! isso faz parte de “dar um tempo” pro cabelo se recuperar de tanta química e também faz parte do que eu gosto: brincar com estilos. Quando a raíz está mais crescida costumo usar roupas mais “pesadas” e quando está mais “branca”, gosto de itens mais “vintage” pra remeter ao estilo que o cabelo traz… Acho bacana e importante isso de tudo comunicar e combinar, mesmo que descombinando às vezes.

Mesmo que algumas pessoas às vezes digam “eu gostava mais quando você não pintava” ou outros comentários que podem fazer você “cambalear”, seja na cor do seu cabelo ou em qualquer outro item do seu visual… uma coisa é muito importante (e clichê sim, mas verdade). Se você não estiver segura do que quer para si, qualquer pessoa vai te dizer o que fica melhor em você e você se torna vulnerável à opinião alheia e consequentemente à sua verdade. Então… se quer pintar o cabelo vai lá e pinta, se não quer não pinta. Cabelo cresce e amanhã, você só não pode se arrepender de experimentar ser quem você quer ser. 😉

 

Milhões de obrigadas à Daia, à Paloma e a Pamella do Nezita Hair and Beauty. E… não, este não é um #publipost – é retribuição de carinho que elas tem por mim mesmo! Por todas as vezes que eu achei que algo deveria ser diferente e elas me entenderam e por cuidarem bem de mim!!!

 

Beijos!

Karyn Mattos

 

 

karynmattos
No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.

})(jQuery)